12/03/2014

A Bíblia para as crianças


Para falar da Bíblia Sagrada voltada aos pequenos, faremos uma breve análise do seguinte livro...

A Bíblia para crianças em 365 histórias 
É um livro muito especial. Cada história é um episódio escrito na medida exata: suficientemente curto para a criança ler inteiro com facilidade, mas também suficientemente comprido para despertar sua curiosidade, uma fez que as histórias se sucedem e se encadeiam para formar a Grande História do Povo de Deus.
Com atraentes ilustrações coloridas.


Editora Scipione, tradução de Marlina C. Leão
Copyright 1985 de Mary Batchelor
São Paulo - SP

O QUE ACHEI:
Todos que visitam o blog devem ter percebido minha fascinação pelo estudo das religiões do mundo, pelo misticismo e, talvez com maior destaque, minha inclinação às religiões cristãs.

Não vou dar nenhum destaque aqui a uma ou outra religião ou 'seita' em particular: Digamos apenas que tenho minha fé e que Jesus Cristo é uma das maiores luzes de minha vida.

A Bíblia é um dos livros mais enigmáticos já escritos e são tantas as versões, os diz-que-diz-ques a respeito dela, são tantas as hipóteses, teorias (inclusive de conspirações) sobre e contra a Bíblia, que poderíamos ficar aqui debatendo o assunto por dias a fio. Acontece que não é possível - nem daria tempo - de falar o que é relevante se fôssemos esmiuçar em um pequeno artigo de blog tantas coisas que foram escritas, contadas, filmadas e "reveladas" sobre o Livro Sagrado do Cristianismo.

O que posso dizer, falando de tudo o que já li (de tantas versões da Bíblia, inclusive), é que esse livro guarda muitos enigmas e suas respectivas chavinhas, é só saber como interpretar tais enigmas e encontrar as chavinhas com um pouco de persistência, paciência e estudo.

Entretanto, se você - como eu - já tem uma boa noção de como esses enigmas/soluções podem agir em nossa vida, sabe que a Bíblia não é um simples livro que conta a história do povo judeu em seus primórdios, sua religião e conhecimento, ou da vida e dos ensinamentos de Jesus Cristo. A Bíblia é um verdadeiro manual de instruções para a vida, além de um guia seguro para os ensinamentos do Mestre dos Mestres. 

Desde criança eu aprendi - com minha mãe, que era evangélica - a dar valor à oração, à meditação profunda e às conversas com Deus. E desse modo fui levada para conhecer as belas histórias que permeiam as páginas da Bíblia através, claro, daquela que foi minha primeira mestra e instrutora de bem-viver: minha mãe.

Guardo até hoje a primeira Bíblia que conheci - que pertenceu à minha mãe e ainda tem nela marcas de grande uso, pequenas anotações nas páginas finais, uma ou outra página mais amarelada ou dobrada, páginas com sublinhados... essas marcas de uso são para mim boas recordações de minha mãe e ainda me comovem, quando lembro do quanto ela amava esse Livro.


Também tenho outras Bíblias e fiz questão de comprar para meu filho - quando ele tinha lá seus 10 ou 11 anos e estava a todo vapor metido em leituras de aventura e fantasia - além de uma Bíblia pequena, um livro bem grande: A Bíblia para as Crianças, de Mary Batchelor e ilustrada por John Hayson.

Naturalmente é mais um livro "de histórias bíblicas" do que uma Bíblia propriamente, mas tem suas vantagens: vai apresentar aos pequenos - crianças dos sete anos em diante - as histórias da Bíblia numa linguagem leve, simples e moderna, acompanhada de lindas ilustrações coloridas e sem comprometimento da fidelidade aos textos originais. Ou seja, a linguagem é leve, mas a proposta é manter-se o mais próximo possível dos relatos bíblicos.

É um livro grande, em tamanho e espessura: 416 páginas fartamente ilustradas, que vai do Gênesis ao Apocalipse. Eu mesma uso algumas vezes, para obter alguma referência a mais quando estou pesquisando e, naturalmente, meu filho (que agora já está com 16 anos e não quer mais ler nada "religioso") já a leu... Enfim, um livro interessante, bonito e que vai agradar qualquer criança que tenha o hábito da leitura.
Recomendo!


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente! Os bons comentários são os alimentos dos blogs...