04/06/2012

Sara Craven - Voce nao tem coracao!


Você não tem Coração - (Solitaire) Bianca nº 035 - Sara Craven

Aquela mansão no sul da França teria sido a salvação, o refúgio de Martine. Ela esperava encontrar um lugar que lhe desse um pouco de felicidade e paz, mas o futuro lhe preparou uma cruel surpresa; um desconhecido estava à sua espera na porta da mansão! Morta de medo, Martine viu o homem se aproximar, olhar demoradamente para seu corpo, com os olhos negros faiscantes de sensualidade, e convidá-la para morar sozinha com ele naquele imenso e solitário casarão! Quem era aquele homem? Que estranho poder ele tinha para arrastá-la a um perigoso destino?

Ano: 1979
Páginas: 126

O QUE ACHEI:
Um daqueles primeiros livros, com "florzinhas" na capa, que nos remetem aos saudosos anos 60 e 70, com protagonistas virgens e puras, e mocinhos do tipo vilão frio e arrogante.
A jovem Martine vai parar na casa de um completo estranho, imaginando que estava indo para a mansão do tio. Que engano, heim? Estranho a moça não ter dado sequer um telefonema para saber se, de fato, o tio estaria a fim de recebê-la, se estaria em casa etc. E quando ela chega, cadê o tio? Tinha morrido.
Pode de parte  alguns desses estranhos "incidentes", a história é curiosa e dá para ler tranquilamente. Cansa algumas vezes, quando você fica chateada de ver quantos mal-entendidos ocorrem entre mocinha-e-mocinho e o quanto a pobrezinha tem de sofrer para alcançar alguma alegria... Na verdade, os sofrimehtos de Martine são de arrepiar, e dá pra pensar que, no fundo, a autora estava exagerando. Nenhuma mulher, em sã consciência, teria suportado um terço das "desfeitas" e do desprezo do "mocinho".

 Mas dá pra dizer que é uma boa história. Estilo antigo, mas uma boa história.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente! Os bons comentários são os alimentos dos blogs...