11/05/2012

Carolina Nabuco - Chama e Cinzas


Chama e Cinzas, uma história de amor, de renúncia e de vida

Uma história que se passa no auge dos anos 50, e conta a história de Álvaro, um viúvo falido, e suas três filhas: Ana (Nica), Yolanda e Cristina. Foi tema de uma novela global, das seis horas da tarde, "Bambolê". Entretanto... a novela não teve uma décima parte do impacto emotivo e dramático do livro da talentosa Carolina Nabuco.

O QUE ACHEI:

Nica, a filha mais velha, conhece um jovem bonito e idealista, Fernando, por quem se apaixona. Eles começam a namorar e Nica, embora não tão linda quanto Yolanda, a irmã do meio, é correspondida fervororsamente por Fernando.

Até que um dia, por um acaso maldito do destino, Fernando vai à praia com Nica e conhece... Yolanda.
The lady, deviantart.com

 Lembro perfeitamente do trecho do livro em que a autora descreve a cena em que isso acontece. O belo rapaz, de perfil aquilino, sente uma atração imediata pela irmã da sua namorada. A glamurosa Yolanda é uma beleza nata: Curvilínea, lábios cheios, lembrando uma estrela de Hollywood. E absolutamente mais ingênua e simples que sua irmã mais velha.



Naturalmente, Nica não pode lutar contra o destino, e dias depois percebe o que aconteceu. Não lutou, não se rebelou, pois sabia que tinha perdido aquela batalha... Fernando casou-se, mais tarde com Yolanda.

O tempo passou, e Nica, para curar o coração magoado, aceita a corte de um homem bem mais velho, Rebelo. E depois, casa-se com ele, tornando-se assim, uma das mulheres mais ricas do Rio de Janeiro.

O romance é pleno de lirismo, como só uma escritora emotiva, que sabe ir fundo nos corações de seus personagens, pode conceber. Há trechos em que choramos, trechos em que torcemos para que isso ou aquilo acabe com a dor de Nica. Há trechos em que até mesmo odiamos a irmã bela e fútil, a tola Yolanda.

É um livro que vale a pena ser lido, pois nos mostra como o amor pode ser cruel, como a vida pode nos pregar peças e como tudo, ao final, se resume em duas palavras: chamas e cinzas.
 Star,  deviantart.com


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente! Os bons comentários são os alimentos dos blogs...